Tão fácil julgar o outro

Tão fácil julgar o outro

Tão fácil julgar o outro sem levar em conta o que realmente se passa no seu coração. Tão fácil apontar o dedo, criticar, bancar o soberano sobre a situação. Julgamento para mim é ser leviano, é não respeitar a dor alheia, é ter uma atitude ignorante. Cada um sabe a dor que passa, as barreiras que enfrenta e o quanto, em alguns dias, levantar da cama já é uma vitória. Sentimento é coisa séria e, deve ser respeitado, cada um sabe a dor que leva no coração.